Um dia

by - agosto 11, 2012



Um dia você vai acordar no meio da madrugada e lembrar de um sorriso ou de uma palavra sincera. Algum dia você vai se lembrar de uma menina boba que sinceramente não fez quase nada, mas que conseguia tirar do seu rosto um lindo sorriso. Um dia você vai lembrar de alguém que quis tão bem e que você queria apenas a amizade.

Um dia você vai rasgar todos os papeis e fotos de ex que você costumava guardar, mas você vai lembrar daquela que costumava estar do seu lado. Um dia você vai esquecer todas essas garotas que você costumava ficar e pensar o quão foi bobo em deixar aquela que queria cuidar de você. Na verdade, ela queria apenas seu olhar, mesmo com todos aqueles defeitos. Você sabia que ela aceitaria você, sem nenhuma pretensão, mas ela aceitaria.

Um dia você vai levantar dessa cama e olhar para o teto do seu quarto e lembrar que aquela palavra que você havia escrito ali, só ela sabia. E sabia que as letras das músicas que você costumava ouvir só faziam sentido porque elas combinavam com você. Ela sabia de todos os detalhes do seu corpo, mente e alma. Um dia você vai lembrar dela por ela simplesmente saber que você era bem mais do que aquele cara durão.

Um dia seu telefone vai tocar e você vai achar que é ela. Mas não, não vai ser ela. A garota que costumava enviar mensagens fofas e perdidas no meio da madrugada, foi embora. Um dia você vai lembrar dela como um anjo. Aquele anjo que você quis proteger, aquele anjo que você cuidava apenas como a sua irmã. Mas ela nunca se satisfaria só com isso. Ou talvez sim. Aquela menina tinha qualidades que você não conhecia, porque ela costumava guardar segredos. Só que você não sabia.

Um dia você vai observar os detalhes de uma garota qualquer e perceber que a sua reputação pode ir de água a baixo por simplesmente se envolver com pessoas não combinam nada com você. Um dia você vai se sentir culpado por não saber como tratar aquela garota, que só queria te fazer bem. Um dia você vai se sentir culpado por simplesmente não conversar mais com ela, como você costumava fazer.

E depois de tudo isso, eu que percebi que homens são tão iguais. Eles nunca resistem a uma tentação. Homens traem, mesmo que em pensamento. Homens não se lamentam porque uma simples menina boba foi embora. Eles não se interessam se ela gosta de escrever, fotografar e das coisas simples da vida. A maioria deles são tão egoístas que só pensam em bens materiais. Eu lamento por vocês, homens. Eu lamento. Só lamento!

Um dia eu percebi que eu estava fazendo questão de alguém que não tem nada a ver comigo. É isso. Só mais um dia!

You May Also Like

1 comentários

  1. Que lindo texto. É verdade, um dia ele há de se dar conta do que perdeu, e talvez, seja tarde demais.

    naoseavexe.blogspot.com

    ResponderExcluir