Comece!

by - novembro 20, 2012



Ouvindo Telegrama – Zeca Baleiro

Oi mundo! Tudo de melhor para gente!

Depois que escrevi Viver Livre, fiquei pensando em tudo aquilo – eu tenho o ‘dom’ de ficar refletindo em um assunto mil vezes e só consigo e/ou tento chegar a uma conclusão quando escrevo – que conversamos e imaginando: “O que devemos fazer?”.

A conclusão mais plausível e óbvia até agora é: COMECE! Sim, precisamos dar o primeiro passo. “Ok, Dayse. Isso a gente sempre faz e menos de uma semana depois já ‘descomeçamos’. E aí? O que tem de novo nisso?” Simples: curta o momento. Eu descobri isso ontem.

Pensando em começar e como começar, comecei pela minha casa. Para quem não sabe, eu sou casada. A dona-de-casa responsável por todos os detalhes de onde moro. Lavar, passar, comparar, decorar, cozinhar são algumas das minhas obrigações diárias. E é um porre fazer qualquer coisa só pela obrigação. Se preciso fazer que seja me divertindo. E eu brinco de casinha.

Às 10h da manhã da sexta-feira dia 16 de novembro de 2012 eu comecei feliz da vida. Dispensei a faxineira, coloquei minha roupa de guerra, liguei um pagode bem alto (não conheço nenhum outro ritmo melhor que pagode para faxinar), empunhei vassoura, rodo, pano, balde e uma porção de produtos de limpeza e comecei.

Meu alto astral estava tão ALTO, que animou o marido. Ele virou meu ajudante. Limpamos tudo, tudo. Estou mega orgulhosa das minhas janelas, a casa está linda e do jeito que eu gosto, do jeito que só eu (com ajuda do ‘Benhê’) sei fazer. Quem é dona-de-casa sabe do que estou falando.

“Tá, o que isso tem a ver com a ‘faxina’ do corpo, dona Dayse?” Tudo. Se ao redor as coisas não vão bem, as teias de aranha tomam conta. Me explico: a gente precisa estar em sintonia com o que vivemos para que no fim tudo fique melhor que no começo.

Se você não tem uma casa inteira de inspiração, comece pelo seu quarto, seu guarda-roupa. Por que ficar guardando aquela roupa que te serviu há anos e pensando que “quando eu emagrecer vou usar novamente!”? Pare com isso! Quando você emagrecer vai estar tão mais linda que só vai merecer roupa nova! Faça uma doação, doe tudo que não te serve mais e está em bom estado. O que não presta, manda para o lixo.

Outra coisa importante: converse com sua família. Não dá para fazer uma dieta se na hora do almoço enquanto você come um prato de alface com filé de frango magro e grelhado a família se acaba numa lasanha quatro queijos. Eles te amam, então não vão se opor em te ajudar. E outra: faça-os entender que vai ser bom para todo mundo. Buscar uma vida saudável não é coisa de ‘gente acima do peso’ é receita que toda e qualquer pessoa deve seguir. Eles vão adorar e o responsável pelas compras vai se lembrar disso quanto estiver no mercado.

E para não deixar de ser divertido: não se reprima! Sério, conheço gente que quando faz dieta deixa de ter vida social. É fato que “vida social” sempre combina com amigos e rodízio de pizza... só que rodízio não tem todo dia! E quando te convidarem para um rodízio sugira um de comida japa... lá vai ter uns peixinhos e você vai poder se acabar.

Não fique só, não entre nessa só. É legal convidar a melhor amiga para “Vamos juntas?” Se ela já for gata, magra e não precisar nem passar batom para ficar mais gata ainda (a minha é assim, olha que gata essa Eloá!), ela ainda pode te dar conselhos, broncas e caminhar junto com você! Com toda certeza que me é possível ela vai ser sua maior incentivadora.

Tenha metas! Dizem os ‘especialistas’ o peso ideal para minha altura é 60 kg. Mas minha meta é menos ambiciosa. Quando eu chegar nos 70, eu traço uma nova meta para o peso ideal!

Pois bem, minha estratégia agora é fazer isso sorrindo! A pretensão é não se estressar, chorar e desistir de tudo quando eu achar que emagreci depois de todos os sacrifícios vem a balança e diz outra coisa.

Ah! Não da para começar se quando chegar no dia do resultado, você não souber quais foram as reais mudanças. Cheque suas medidas! Em um post do Mundo Fitness em Casa*, eu aprendi a tirar as minhas, que hoje estão assim (se eu tiver feito tudo certo):



Altura: 1,60

Peso: 94,75

Busto: 116

Cintura:110

Quadril:126

Coxas: 68


Panturrilha: 41



Qual a sua meta, estratégia e dicas? Lembre-se que estamos aqui para uma apoiar a outra! E lembre-se, por mais que algumas balanças te façam deprimir:



*Mundo Fitness em Casa é um blog de uma colega da época da facul, Carol Cintra. Tem várias dicas iradas para ficar gostosona!

You May Also Like

0 comentários