Amar também dói

by - julho 03, 2013

garotaEscrevi mesmo. Tive medo de me envolver com você. Tinha medo de você me conquistar, me envolver e ir embora. Assim como todos os outros amores. Escrevi isso porque precisei tirar aquela mala em cima das minhas costas. Não aguento essa de ir e vir das pessoas.

Tenho receio de você ir a um cinema sozinho e voltar com outra nos braços. Tenho medo, porque antes isso aconteceu. E doeu. Doeu muito. Mas eu não sabia que, naquele instante, se eu deixasse de ir, ele também não ficaria com mais ninguém. O meu erro foi acreditar que eu era única, quando, na verdade, eu não era.  E o pior de tudo: eu sabia disso.

Temo, porque, além de deixar pra trás, esse continua sendo meu medo. Perder por não ir atrás. Tenho medo, mas aqui dentro eu sei que, quando alguém se vai, outro melhor chega. O pior é que eu não sei quando o outro melhor chega e quando esse alguém, que tinha conquistado meu coração e minha alma, vai embora. Porque por mais feliz que seja conhecer 'alguéns' novos, é triste ter que ver alguém que a gente ama indo embora.

E, por favor, não me deixa caminhar nesse lugar que trilhamos juntos. Não permita que eu vá andar com outro alguém de mãos dados na praia. Não deixe que outro homem ocupe o seu lugar. Por mais que as pessoas sejam contra, eu sei (e você também) que nós nascemos para amar um ao outro.

leia todos os posts da karine clessia

You May Also Like

4 comentários

  1. Doer faz parte da vida quando se está apaixonada,na realidade em qualquer momento da vida,mas acredito que quando se está amando quase tudo pode causar dor,mesmo que inconscientemente.Temer é o que toca a ferida,nem tanto saber o que acontece mas não saber e ficar pensando no que pode acontecer é terrível.
    Decepções amorosas,quem nunca teve??O que nos deixa ainda mais fortes.A questão é:Cair e levantar.

    ResponderExcluir
  2. Karine Clessia05 julho, 2013

    É temer o amor, quando ele chega. O amor de verdade. Não as paixões de mentirinhas. :) Mas isso passa. Agradeço as palavras, sua linda.

    ResponderExcluir
  3. Adorei o texto e a forma como escreve!
    Me identifiquei bastante e dói mesmo! Mas é a vida!

    Super beijos Ká!

    ResponderExcluir
  4. Karine Clessia08 julho, 2013

    <3 que fofa! Só tenho medo de amar e a pessoa que me traz um sentimento tão lindo, ir embora. :/ Aliás, esse é o medo das pessoas, inclusive o meu. Beijos, Ellen <3

    ResponderExcluir