Resenha: Feios

by - julho 28, 2013

resenha feios

“Em um mundo de extrema perfeição, o normal é feio.”

Vila Feia é um lugar onde os feios moram antes da grande cirurgia. Aos 16 anos, quando passarão de simples crianças feias à adultos perfeitos e irão residir em Nova Perfeição. Mas, antes da grande cirurgia, terão de viver como feios em Vila Feia e “viver como feios”. O impressionante da história é que as pessoas se sentem feias porque são iludidas de que a perfeição é a melhor coisa do mundo.

O livro é bem futurista e conta a história de Tally Yongblood, uma feia que espera ansiosamente por sua cirurgia, já que seu melhor amigo Peris se tornara um perfeito e não tinha nenhum amigo. Faltando um mês para sua cirurgia, Tally conhece Shay, uma menina que, por coincidência, nasceu no mesmo dia que ela, e não apresenta tanta ansiedade como ela para a chegada do Grande dia. Com o decorrer do mês elas vão se tornando cada vez mais amigas e compartilham seus truques de invasão à Nova Perfeição (uma traquinagem de feios, segundo o livro).

Faltando duas semanas para as duas completarem 16 anos, Shay conta a Tally um grande segredo: existem outras cidades, além de Vila Feia, Nova Perfeição e Ruína de Ferrugem (cidade antiga onde o Enferrujado vivia, segundo o livro os enferrujados são as antigas civilizações, ou seja, as nossa).

O lugar é chamado de fumaça e aceita qualquer pessoa, seja ela feia ou perfeita, mas é proibido dizer a localização do local, já que é um lugar onde refugiado e fugitivos procuram exilo. Shay decide fugir e conta tudo a Tally, tentando convencê-la de fugir com ela, mas não consegue convencer a amiga e deixa um bilhete com instruções que só ela consegue decifrar e promete não contar a ninguém quando chegar em fumaça.

Chegado o dia da cirurgia, Tally não se aguenta de tanta ansiedade, mas Dra.Clabe (cirurgiã responsável por transformar todos em perfeitos) propõe uma troca: se Tally se infiltrar como espiã e dizer a localização de Fumaça ela se tornará perfeita, se não, será feia para o resto de sua vida.
O livro ainda tem um pequeno romance super fofo, acredito que terá uma continuação!

Eis um trechinho:  "Ele sorriu. Embora fosse um feio, tinha um belo sorriso. E seu rosto demonstrava um tipo de confiança que Tally nunca vira num feio. Talvez fosse alguns anos mais velho que ela. Tally não conhecia pessoas que tinham amadurecido naturalmente depois dos 16 anos. Não sabia o quanto de ser feio era apenas uma consequência daquela idade complicada. Por outro lado, David estava longe de ser um perfeito. Seu sorriso era torto, e sua testa, grande demais. De qualquer jeito, feios ou não, era bom ver Shay, David... todos eles. Fora os momentos surpreendentes com os guardiões, tinha passado muito tempo sem ver rostos humanos."

Outro trechinho: "Ela se curvou para a frente, encostando seu corpo no dele e, enquanto seus pés escorregavam da pedra, os dois se beijaram. Imediatamente, David a abraçou e puxou para mais perto. No frio da madrugada, ela sentia todo o calor do corpo dele. David era algo concreto e verdadeiro no mundo de incertezas em que Tally vivia. A intensidade do beijo a surpreendeu. Um instante depois, ela se afastou para recuperar o fôlego, pensando como tudo aquilo era inusitado. Os feios costumavam beijar e muitas outras coisas, mas havia uma impressão geral de que nada era para valer até que se tornassem perfeitos."

Será que Tally irá aceitar a proposta da Dra.Clabe e irá trair sua amiga? É uma boa dica de livro para quem gosta de ler livros futuristas e repleto de aventuras.

E aí já leu Feios? Gostou? Ainda não leu? Comenta aí! =D

leia todos os posts da fabi

You May Also Like

1 comentários

  1. Esse livro e toda a série é incrível! Já li o feios algumas vezes e sempre repito mais e mais por ele ser tão maravilhoso rs

    Amei a resenha :)

    ResponderExcluir