Spring Breakers: Vale mesmo a pena?

by - julho 31, 2013

ATENÇÃO: ESTE POST CONTÉM ALGUNS SPOILERS.


SPRING BREAKERS

Sim, o filme já estreou há algum tempinho e está disponível para download nos mais diversos formatos e em inúmeros sites. Porém, ainda tem algumas pessoas que não criaram coragem de fazer o download ou colocar pra carregar online, mas por que isto?

O motivo é as inúmeras críticas que o filme vem recebendo (críticas que inclusive fizeram ser descartada a possibilidade do filme vir para cinema brasileiro, entre outras coisas). Como eu sou daquela velha opinião: Assista e tire suas próprias conclusões, apesar de muitos dizerem que era uma 'perda de tempo' foi exatamente isso que fiz, sentei e assisti o filme completinho. A minha opinião? Vocês vão acompanhar aqui no post.

Muitas pessoas criaram grandes expectativas em cima do filme, desde que foi anunciado o título "Spring Breakers", na mente das pessoas remetia a algum filme em que ia ter muito sexo, drogas, bebidas, festas fora do controle e uma lição, ou exemplo, para tirar de tudo isso e para sua surpresa - ou decepção - não é nada disso. Não tanto, na verdade. Claro que tem algumas cenas em que tem toda aquela loucura, rola até nudez em algumas delas, mas o foco do filme acaba se dando a relação que as garotas criaram com o traficante (interpretado por James Franco, ao meu entendimento ele era um traficante, perdoem-me se eu estiver errada), e passaram de um baita perrengue pra uma vida relativamente boa, tirando proveito da grana que ele adquiria e vivendo perigosamente.

Lendo a sinopse "Quatro adolescentes assaltam um restaurante de fast food para poderem juntar dinheiro e tirar férias na praia, mas são presas logo que chegam no local.'' você logo pensa: Ah, elas foram presas devido ao assalto. Como elas conseguiram escapar? Como descobriram? O que elas fizeram de errado? Foi isso que eu pensei. Mas quando você vê o filme dá pra entender melhor os motivos e ver que essa sinopse que anda rolando por aí não condiz muito.

Não é filme pra assistir esperando um realismo, uma 'moral', e sim pra sair um pouco da rotina comum. Logo no cartaz, na minha opinião, eu tinha 3 pontos positivos já pra assistir: Ashley Benson, Vanessa Hudgens e James Franco. Apesar das inúmeras críticas, pensei: Por que não?

Não posso dizer que foram os +93 minutos mais sensacionais que já tive vendo um filme, mas não posso dizer que foi perda de tempo também. Estava navegando pela página do filme no filmow e li um comentário que super concordei: "[...] acredito que o modo como as falas e as cenas são "repetidas", como uma espécie de 'eco' que serve a diversos motivos durante a trama, é o que realmente enriquece a narrativa - que é quase linear, fora alguns 'ecos' do futuro que ocorrem vez e outra - sem esquecer, é claro, da atuação do James Franco." Particularmente, também achei que essa parte dos ecos foram bem interessantes, é algo semelhante ao que passamos na vida real, tem dias e dias que você fica com uma frase na mente, e acaba lembrando ela de diversas vezes quando ocorrem situações parecidas. Esse foi mais um ponto positivo do filme.

Neste mesmo comentário, mais acima a pessoa comentou "O problema em chamar atrizes da disney pra um filme escrito e dirigido pelo Harmony Korine tá estampado nessa seção de comentários.". Bem, eu achei que a Vanessa Hudgens fez um trabalho incrível. Eu que estava sempre acostumada a lembrar dela como "Baby V", fazendo personagens meigas, fofinhas, românticas, foi um choque de início ver ela tão em ação (literalmente) e dessa forma tão agressiva, achei incrível. Outra que também me surpreendeu legal foi a Ashley Benson, acostumada a ver ela em papéis de patricinha riquinha me surpreendi ao ver ela mais agressiva no filme, totalmente sem limites, capaz de tudo. Na questão dos principais, minha crítica foi mesmo pra Selena Gomez, ou talvez pro roteirista que escreveu a parte dela. Ela foi a que menos teve participação. E a personagem era tão chata, reclamona e incomodada que eu dei uma 'finalmente' quando ela saiu de cena. E a personagem da Rachel Korine, assim como ela mesma, haviam momentos que não parecia estar bem entrosada com os outros, chegava a ser desconfortável. Pelo jeito, a Rachel não se deu muito bem com os colegas de trabalho e isso acabou sendo um pouco transferido pro filme (ao meu ver, claro). Mas agora o James Franco? Ahhh.. Esse tá de parabéns, como sempre. Sem palavras pra atuação dele, sempre incrível.

O roteiro teve várias partes em que pecou, a falta de um desenvolvimento melhor da Faith (Selena Gomez), poderiam ter feito uma mudança radical nela de atitude, mas talvez essa foi uma parte legal até de mostrar que nem todo mundo muda seu jeito de ser, pode estar tendo a melhor "spring break" da vida que não muda, uma vez chata sempre chata. E o final foi o maior de todos, esse sim, sabe quando tu tem a impressão de que aquela cena foi escrita de última hora? Essa foi minha impressão. Mas talvez elas precisassem daquele 'escape' para poderem voltar para as suas vidas e seus cotidianos.

Bom, apesar dos pesares, o filme é rapidinho e não é de todo ruim como andam dizendo por ai não. Não vou dizer "Vale super a pena assistir" "É incrível, show de bola", mas acho que devem assistir pra tirar suas próprias conclusões, assim como eu fiz.

E aí, já assistiram o filme e concordam comigo? Ou agora vão criar coragem pra assistir?

leia todos os posts da laohana

You May Also Like

2 comentários

  1. Vou confessar que só parei pra ler esse post porque amo a Selena Gomez! E é por causa dela que desde que sei desse filme quero ver, mesmo que eu sempre não tenha gostado da ideia de vê-la em um papel desses. Mas dizem que isso é amadurecer na carreira então quem sou eu pra falar.
    Por algum motivo fiquei feliz por você dizer que a personagem dela é chata. Mas não sei explicar bem o porquê.
    Vou ver se eu acho pra download porque estou bem curiosa.
    Obg por me avisar que já tem download por ai. Eu estava esperando no cinema, mas como pode ser que não venha...

    Super apoio sua opinião de que as pessoas devem ver pra tirar suas próprias conclusões. Repetir o que os outros estão falando não é exatamente ter uma opinião, né verdade?

    Beijos !!!!
    http://www.biancagsnunes.com/

    ResponderExcluir
  2. Eu assisti ao filme e assim é claro esperava muito mais, mas acho que a intenção do filme ou a história mesmo, não sei, é mostrar como é entediante, chata e sem vida a rotina das meninas de fazer a faculdade e ser a todo dia a mesma rotina as mesmas pessoas e por isso ela queriam essas férias porque é tudo tão calmo e pacato na vida delas que elas queriam algo diferente até mesmo para se descobrir (elas até falam no filme que iriam pra descobri quem são e tudo mais) e acho que isso as vezes é o que pode passa na cabeça de um estudante americano e uma certa realidade e vendo por esse lado até é bem interessante a historia.

    http://modadepartamento.blogspot.com.br/

    Beijoos

    ResponderExcluir