Amor à distância

by - agosto 22, 2013

coração mundo

Era começo de ano e eu fazia planos de terminar um namoro que, na verdade, não valia a pena. Eu já sentia dentro de mim que algo muito bom iria acontecer. Só ainda não sabia o que. Em um dia desses perdido fui facebookear. Se existe a palavra eu não sei, mas foi numa dessas metidas (sim, porque eu saio curtindo e comentando os status de quem eu não conheço) que acabei curtindo o comentário de um amigo de uma amiga em comum.

Sou acostumada a adicionar milhares (mentira, só algumas mesmo) de blogueiras. E foi justamente uma dessas blogueiras (mais uma vez o blog entra na minha história) que uniu duas pessoas que moram tão longe. Eu, cearense de coração, mas moro em São Luís (Maranhão) e ele lá no Espírito Santo. E lá veio aquele cara conversar comigo com aquelas histórias de vir me elogiar. Homem que elogia na primeira conversa é quase que um pedido pra eu cair fora. Achei blefe. Achei tudo, menos que eu ia namorar um cara que tivesse me elogiado na primeira conversa. Ah, não me chamem de chata, mas não estava acostumada a receber elogios na primeira conversa. Mas enfim...

Depois de pouco tempo... tipo MUITO pouco mesmo. Ele me deixou perplexa. Não me lembro de quanto tempo era (acho que duas semanas), ele me pediu em namoro. Tipo assim: você conhece o cara e ele vem te pedir em namoro. Achei estranho pra caramba tudo isso e disse que ele era louco. E é mesmo. Hahaha E adivinha? Como se não bastasse, antes de me pedir em namoro, ele me deu um livro. Aí me ganhou de vez. (Mentira, amor, não foi por causa do livro que você me deu que eu aceitei namorar você).

Às vezes não entendemos porque as coisas acontecem, mas nos identificamos tão bem que até quando a gente discute, a gente ri depois do que dissemos. Não dura quase 30 segundos. A maioria das pessoas que não entendem muito bem do assunto, acaba achando que se envolver com alguém do outro lado do país é coisa de louco. E, na verdade, é a coisa mais normal que existe.

Posso estar falando bobagem, mas pelo que andei lendo (e pela minha experiência), no quesito "timidez" é muito melhor se envolver com alguém pela internet. Sempre fui tímida e isso nunca foi segredo pra ninguém (não é à toa que pago de calada nos vídeos haha) e também nunca consegui me envolver de verdade com alguém pessoalmente. Nunca consegui expor minhas emoções, meus desejos e minhas palavras pra ninguém que eu estivesse afim. Claro que isso tem lado seu positivo (afinal, vi que a maioria deles não valia a pena mesmo) e o seu lado negativo (sim, porque agora vou ter que conviver com a distância entre eu e meu namorado).

Mas muito mais importante que tudo isso: espero que, algum dia, algumas pessoas aprendam que cada pessoa é diferente. Assim como fulano não conseguiu se envolver com sicrano porque eram tímidos e da mesma cidade, eu também não consegui. Mas fico feliz pela iniciativa que eu e ele tivemos, afinal a gente só vai saber se tentar, né?

Bom, começamos a namorar no início de Março (dia 11) e estamos com 5 meses (quase 6!). E dia 10 de Agosto (sim, faz 12 dias) eu o conheci pessoalmente. Assim que o vi de longe, começamos a sorrir um pro outro. Foi lindo! Enfim, acredito muito que nada acontece por acaso. No caso, eu provoquei conhecer alguém especial.

Essa foi (e continua sendo) a minha história.

Onde me encontrar: Perfil no facebook | Página no facebook | Twitter | Grupo do blog



leia todos os posts da karine clessia

You May Also Like

25 comentários

  1. Que linda historia de amor...espero que a relação de vocês cresça cada vez mais, baseada no amor, na confiança e no respeito!
    E quanto a namorar a distância, a saudade bate, o coração aperta, mas o que vale é o compromisso que cada um tem com o outro. Que sejam felizes sempre!!!!


    http://detudoumpouco28.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Karine Clessia23 agosto, 2013

    Que linda!!! Obrigada pelo carinho <3 De verdade. Eu e ele lemos juntos seu comentário e ficamos felizes :)

    ResponderExcluir
  3. ja namorei a distancia e a coisa parece e eh bem mais intensa assim...
    Felicidades pra vcs, aproveitem bastante, ja que hj temos tantos recursos pra n sentir tanto a distancia... hungout, whatsup, face... da pra se comunicar bem e gostoso... depois viajar e matar a saudade. ^^

    ResponderExcluir
  4. Karine Clessia23 agosto, 2013

    Obrigadaa, Julia. De verdade! Estamos felizes e esperamos que nosso namoro dê certo. *-*

    ResponderExcluir
  5. Já cheguei a ter uma "paixão" a distância, hoje ele é meu melhor amigo e nos conhecemos a quase 3 anos haha.
    Boa sorte pra vocês dois Kah! *-*

    ResponderExcluir
  6. Karine Clessia25 agosto, 2013

    Obrigada, Ana <3

    ResponderExcluir
  7. Linda demais sua história, no dia que vi a primeira foto de vocês juntos no facebook (muito por acaso), e li os comentários, eu me emocionei. E comecei a torcer por MUITO por vocês, de verdade mesmo, eu tive uma história parecida, e por acaso o menino mora ai em São Luís. Enfim, eu não pude evitar pensar na minha história,e me identificar muito, deve ter sido por isso que realmente eu me emocionei. E agora de novo, lendo esse texto.
    Toda felicidade do mundo pra vocês, e eu realmente acredito que a chance desse relacionamento dar certo, existe e que isso só depende (além da vontade de Deus), de vocês e dos sentimentos dos dois.

    ResponderExcluir
  8. QUE LINDO! Amei sua história *-* Felicidades, sempre! Beijos.

    http://blogdalorraine.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  9. Marcia Teixeira25 agosto, 2013

    Eu passava hrs do meu dia mim perguntando pra entender esse seu namor de tao distante agora q sei mim indentifiquei e muito com vc so q o carinha da net era meu vizinho o distino aprontou com a gente e mandou ele pra bem lonje, estou na torcida para que o melhor aconteca para vc sua menininha:-)

    ResponderExcluir
  10. Que história linda! É sempre bom quando encontramos alguém legal pela internet, seja uma amigo ou um amor. Felicidades pra vocês. Beijos!
    http://serpassarinho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Karine Clessia25 agosto, 2013

    Obrigadaa <3

    ResponderExcluir
  12. Fico feliz por vcs dois, a minha história vc já conhece. E o que importa é o amor e o respeito, independente da distância! Sejam felizes :D

    ResponderExcluir
  13. Karine Clessia25 agosto, 2013

    Obrigada, Maaari, sua linda!!! :)))

    ResponderExcluir
  14. Karine Clessia25 agosto, 2013

    Obrigada, Lu *-*

    ResponderExcluir
  15. Karine Clessia25 agosto, 2013

    Ah, olha quem tá aqui, genteeeeee <3 A menina/mulher que cuidou de mim quando eu era bebê. Que felicidade! Oh linda, não fique assim não. Se isso aconteceu, é pra provar que o amor de vocês é de verdade. Espero que sua história tenha dado certo. :)

    ResponderExcluir
  16. Karine Clessia25 agosto, 2013

    Aaaaai que linda! Muito obrigada pelo carinho, viu? Lemos seu comentário juntos e ficamos felizes com isso. Obrigada mesmo <3

    ResponderExcluir
  17. aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah
    que lindos, felicidade sempre gatinha ><

    Parabens pelo blog.
    Tem sorteio la no blog, vem ver?
    http://chezsimoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Karine Clessia30 agosto, 2013

    Obrigaaaaada <3

    ResponderExcluir
  19. […] Esse mês foi um mês especial na minha vida. Como muitas de vocês já sabem, conheci o meu namorado que conheci pela internet. Super legal isso, né? Mas o melhor é que esses dias estou curtindo bastante ele e sei que daqui a alguns dias isso vai virar só saudade. Enfim, quem aí já viveu um amor assim? Você acredita que pode dar certo ou errado? Bom, pra quem se interessou pela minha história, você pode ler aqui. […]

    ResponderExcluir
  20. Olá Karine,
    Li sua postagem e só tenho a dizer que dou o maior apoio! Foi por causa da internet que conheci meu namorado e estou com ele a 2 anos. Ele morava no Rio de Janeiro e eu moro em São Paulo, não é longe, mas, há muitas coisas que nos impedia de estar juntos, compartilhar coisas e por aí vai...
    Quando o conheci, foi a melhor sensação da minha vida, alguém que me compreendia, que conversa comigo, que me aconselhava e que me encantava de todas as maneiras, quase o perdi por conta da timidez, de não dizer o que sinto por qualquer motivo, e lhe digo que graças a uma carta, estamos juntos hoje. Só tenho a agradecer ele pela luta, porque foi ele quem deixou tudo para trás para estar pertinho de mim, hoje, ele mora em SP, é um pouquinho longe sim, mas, nada que se possa comparar à quase 7hrs de viagem e dinheiro e mais dinheiro gasto com passagens... ^^
    Espero que tudo dê certo para vocês e que seja amor, de fato! Curta muito essa experiência, haverá escolhas das quais vocês terão de fazer, situações difíceis, complicações familiares e financeiras, mas, continue a lutar sempre.
    Abraços,
    Fanie.

    ResponderExcluir
  21. Karine Clessia03 setembro, 2013

    Ei Fanie, seu comentário caiu bem no que estou passando agora. Há sempre um medo do que já aconteceu, o que está acontecendo e do que vai acontecer. Fico mega feliz que seu namoro tenha dado certo (e espero que continuem assim), assim como fico feliz por eu também ter me identificado com a sua história. E como você mesma diz: ", haverá escolhas das quais vocês terão de fazer, situações difíceis, complicações familiares e financeiras, mas, continue a lutar sempre." Não é nada fácil. Existe sempre algo que vai tentar te impedir, mas o amor... ah, com certeza, esse é maior. Vou mostrar seu comentário (e todos os outros que ele ainda não leu), pra ele <3 Beijos e obrigada pelo carinho.

    ResponderExcluir
  22. […] PS: Pra quem não entendeu o texto, vai aí a dica: leia esse post. […]

    ResponderExcluir
  23. […] mas parece que nos vemos todos os dias. <3 Quer saber um pouquinho mais sobre nosso namoro? Lê esse texto. […]

    ResponderExcluir
  24. Chorei com a sua história :') Namorei durante três anos com um garoto que morava no RJ, eu moro no RN hahahahaha Nos vimos uma vez, mas não foi bem como eu esperava, acabou que nem deu certo. Mas eu desejo toda a felicidade do mundo pra vocês. Beijos!

    ResponderExcluir
  25. Karine Clessia18 novembro, 2013

    Ai. Quando leio histórias que não deram tão certo me dá um receio, sabe? Mas agradeço pelo carinho. Acredito que tem alguém sendo guardado pra: você. :)

    ResponderExcluir