Ganhei meu primeiro salário, e agora?

by - fevereiro 28, 2014

coisas do blog

Oi, gente! Tudo certinho? Hoje vim falar sobre a questão de salários! :)

Quando recebemos nosso salário, ainda mais quando somos novos e quando é o primeiro de todos, a vontade toma conta da gente. É inevitável querer conquistar nossos sonhos e fazer um milhão e meio de planos. E não tem nada de errado com isso! Só que primeiro temos que pensar no quanto o dinheiro irá influenciar nas nossas conquistas e com isso traçarmos uma meta. Basicamente a meta será economizar o dinheiro para poder alcançar o nosso objetivo e o que importa é a nossa trajetória até essa meta. Para iniciar uma vida financeira saudável eu tenho quatro dicas.

A primeira de todas é: controle de gastos. Não se realiza nada nessa vida sem a racionalidade. Não no quesito finanças, pelo menos. Pode parecer bobagem, mas, às vezes, o que parecia “um monte de dinheiro” vira uma miséria por falta de uma simples planilha de entradas e saídas. É sempre bom ter uma noção dos gastos fixos, de modo que a gente consegue perceber o que compromete mais a nossa renda e o que, às vezes, é desnecessário. Com esse controle você pode perceber o quanto realmente pode gastar e quanto não pode, deixando para o mês que vem.

O que nos leva à minha segunda dica: não contraia dívidas. Nunca é bom gastar o que não tem, por isso não recomendo uma coleção de cartões de créditos, carnês, etc e etc. Muitas vezes é difícil, imprevistos acontecem, promoções imperdíveis (e não desnecessárias, veja bem) acontecem... E dívidas acontecem. Entretanto, para evitar ao máximo que elas aconteçam é sempre bom separar no seu controle de gastos uma provisão para isso, nem que seja apenas de 5% a 10% da sua renda. Principalmente no Natal a gente gasta um pouquinho mais da conta ou em algumas outras datas comemorativas, mas como a gente sempre sabe quando elas vão acontecer, não custa se programar um pouquinho antes. Dá até para economizar!

Chegamos com isso na minha terceira dica: economizar é a alma do negócio. Eu recomendo economizar de 15% a 20% do seu salário, dependendo do tamanho do seu sonho e da sua força de vontade em restringir um pouco sua diversão agora para aproveitar lá na frente. Cada um sabe aonde aperta o sapato. Uma coisa que eu acho bom é pensar antes de gastar, analisar (não precisa virar a neura da economia!)... Quando respiramos e contamos até três, evitamos as compras impulsivas e economizamos bastante, experiência própria!

E com a economia, dou a minha quarta e última dica: quem guarda, sempre tem. Ou seja, é sempre bom ter um dinheiro extra guardado. Além de economizar para o seu sonho, é bom economizar para cursos, roupas e viagens que podem aparecer no caminho do seu sonho. É bom ter um dinheiro para aproveitar o presente e não só pensar no que vai aproveitar no futuro. Então tenha uma provisão para diversão também. A vida é feita para ser vivida, só economizar e não aproveitar também não está com nada. Por isso, resumindo, o ideal é você fazer um orçamento e perceber o quanto você pode economizar, o quando você pode gastar e o quanto você pode guardar para imprevistos. Não sou nenhum guru das finanças, mas essas quatro regrinhas bem simples têm servido muito bem pra mim.

E vocês, já têm um pé de meia ou vivem endividados? :x

Você pode me encontrar no: blogfacebook

leia todos de DUDA

You May Also Like

4 comentários

  1. Estou doida para começar meu emprego e administrar meu salário *-*
    são ótimas dicas <3
    E como prioridade quero guardar todo mês uma quantia no banco :)


    www.chadecalmila.com

    ResponderExcluir
  2. Karine Clessia28 fevereiro, 2014

    Quando você arranja um dinheiro extra no fim do mês é uma sensação de liberdade muito boa! Ainda mais quando se trata de ter que se gastar pouco pra economizar, mas cada centavo vale a pena :)

    ResponderExcluir
  3. […] aprendemos no post anterior, controlar os nossos gastos é fundamental para realizar os sonhos que envolvem dispêndios […]

    ResponderExcluir