Resenha: O Lado Bom da Vida

by - março 02, 2014

vestido lindo2

Meu amor pela Jennifer Lawrence não tem tamanho e pelo Brandley Cooper nem se fala. Agora imaginem como eu fiquei quando soube que os dois iriam estrelar um filme juntos? Dois atores mais que incríveis que eu amo dividindo a mesma telinha. E, é claro, que O Lado Bom da Vida conquistou meu coração e o do mundo, dando até uma estatueta de ouro para a Jennifer como melhor atriz! E, é claro, que assim que pude ter o livro em mãos (após assistir o filme, infelizmente), devorei ele em poucos dias.

O Lado Bom da Vida conta a história de Pat Peoples, um ex-professor na casa dos 30 anos, que acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um "tempo separados". Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, a esposa negando-se a aceitar revê-lo e os amigos evitando comentar o que aconteceu antes da internação, Pat, agora viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida.

Teoricamente o livro e o filme são iguais, mas só teoricamente! Assim que comecei a ler já me falaram: você ama o livro e odeia o filme ou você ama o filme e odeia o livro. E bom, é exatamente este o sentimento que ocorre assim que você termina de ler. Mas ódio é uma palavra tão forte, que direi apenas que: você não gostará de um deles.

Eu, amei de paixão o filme, mas, infelizmente, não gostei muito do livro. Fui sedenta por uma história parecida com a do filme, mas as minhas expectativas esperadas não foram cumpridas. A narrativa é ótima, os personagens são bem trabalhados e é impossível não amar o Pat, porém o livro é muito mais emocionante.

(SPOILER) Uma das cenas que senti falta no livro, foi a que a Tiffany faz um discurso enorme contando para o pai do Pat que todas vezes em que o Pat estava com ela, os Eagles ganharam. E no livro é completamente ao contrário, todas as vezes em que eles estiveram juntos, os Eagles perderam. O relacionamento com o pai dele tem mais evolução no filme do que no livro, também. Mas também há uma cena no livro que eu gostaria de ter visto no filme, que é a última cena do livro.

Depois de anos acompanhando adaptações literárias, eu já deveria ter me acostumado com essas várias diferenças. Mas quando eu amo mesmo um filme ou livro, acabo me decepcionando com um dos dois.

Mas leiam o livro e assistam o filme, apesar de diferentes, vale muito a pena. Cada um é bom a sua maneira, contudo um irá conquistar mais seu coração do que o outro, tenho certeza.

E vocês, já leram ou assistiram o Lado Bom da Vida? Ficaram com vontade de conhecer? Me contem nos comentários!

Imagem: Karine Clessia


leia todos dekarine monteiro

You May Also Like

1 comentários

  1. Comecei a ver o filme, parei meio no começo porque quero muito o livro primeiro ...
    geralmente gosto mais dos livros :)

    ResponderExcluir